sem violinos

março 6, 2012 § 1 comentário

Eu inventei um cheiro bom pra tua pele

e fico gostando dele de longe.

Meu olho estacionado.

Vontade de lamber teu ombro.

Cansar a tua beleza

até que ela seja minha.

 

[KLEJNBERG, Michel[

 

 

//pra você que diz que esqueço “tudo de relevante”.

:}

março 3, 2012 § Deixe um comentário

:}

..

so,

março 3, 2012 § Deixe um comentário

[…]

Lady lights a cigarette, puffs away, no regret 
Takes a look around, no regrets, no regrets 

Stretches out like branches of a poplar tree 
She says, i’m free 
Sings so soft as if she’ll break, says 
I can sing this song so blue 
That you will cry in spite of you 
Little wet tears on your baby’s shoulder 
Little wet tears on your baby’s shoulder […]

 

Onde estou?

Você está atualmente visualizando os arquivos para março, 2012 em Manter em cárceres privados..