O nome e as coisas

setembro 7, 2009 § Deixe um comentário

Para que estragar a simples existência das coisas com nomes arbitrários?

Um gato não sabe que se chama gato

e Deus não sabe que se chama Deus

(“Eu sou quem sou” — diz Ele no livro do Gênesis)

Eu sonho

É com uma linguagem composta unicamente de adjetivos

Como deve ser a linguagem das plantas e dos animais!

Só de adjetivos, sem explicação alguma,

Mas com muito mais poesia…

[QUINTANA, Mário[

Anúncios

Marcado:,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento O nome e as coisas no Manter em cárceres privados..

Meta

%d blogueiros gostam disto: