eu sou você amanhã e ontem

março 26, 2009 § 3 Comentários

imagine uma coisa.

depois imagine uma outra coisa em comunhão com essa coisa.

criou-se um outro objeto, com coisas dos dois; uma coisa meio ‘família’, mesmo. agora concorde que isso já te incomoda tanto que você quer jogar pra longe de você. e você pensa que tudo aquilo definitivamente está com você por osmose, por costume, uma coisa de ‘vamos ver no que vai dar, depois pensamos no que fazer’. agora veja que já temos uma porção de coisinhas, e que aquela coisa do começo já nem existe mais. temos uma história; com dois lados de moedas, com asco e com prazer – e o mais importante – , temos coisas externas às nossas coisas construídas e fingimos não ver nada. fingimos não ver, apenas. a nossa coisa nem se interessa mais pela gente (e nós por ela) e fingimos não ver; mas sabemos de tudo, não tem inocência, só ausência e omissão. fingimos não ver. uma hora a coisa toda vira o jogo

 

 

/fantasmas mudam de dono às vezes.

Anúncios

Marcado:

§ 3 Respostas para eu sou você amanhã e ontem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento eu sou você amanhã e ontem no Manter em cárceres privados..

Meta

%d blogueiros gostam disto: