Mulher

outubro 31, 2008 § 1 comentário

 

 – Ele vivia dizendo que ela era um amor de mulher: de uma meiguice, uma delicadeza, uma docilidade, sei lá… Tudo que ele falava ela respondia de uma maneira tão suave, com um sorriso tão delicado, não dizia sim nem não… Se ele perguntava, por exemplo: ‘Quer ir ao cinema hoje, meu bem? – ela dava um suspiro e fazia um ar vago, erguia os ombros como quem diz: “Você é quem sabe…” Casou-se com ela e só então descobriu que era surda feito uma porta.

 

                      [SABINO, Fernando[

Anúncios

Marcado:, ,

§ Uma Resposta para Mulher

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Mulher no Manter em cárceres privados..

Meta

%d blogueiros gostam disto: